Saiba como jovens de baixa renda podem viajar de graça pelo Brasil

Por: Cristina Possomai: Você sabia que jovens e adolescentes de baixa renda podem viajar de graça por todo o Brasil, através de trens, ônibus e embarcações interestaduais. Isso significa que a iniciativa não se aplica ao deslocamento entre cidades vizinhas ou dentro do mesmo município.

Isso acontece por causa de um programa do Governo Federal que possibilita a pessoas nesta faixa etária, tenham a oportunidade de viajar com valores muito mais acessíveis. Trata-se do Programa Identidade Jovem, que pode ser utilizado por quem conta com um cadastrado atualizado em alguma iniciativa de ajuda por parte do governo.

Como jovens de baixa renda podem viajar de graça?

Para poder usufruir da Identidade Jovem, é necessário estar dentro da faixa etária determinada, ou seja, ter entre 15 e 29 anos de idade, possuir uma fonte de renda familiar de até dois salários mínimos e contar com registro no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), mas com informações renovadas nos últimos dois anos.

Neste caso, é essencial realizar um pedido de passagem com cerca de 3 horas de antecedência com relação à hora da partida de viagem a fim de viajar totalmente de graça.

Caso a companhia não lhe concede o direito, sempre é recomendado buscar por orientações em alguma das unidades de atendimento da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) espalhadas pelas principais rodoviárias brasileiras.

É importante lembrar que a Identidade Jovem é assegurada pela lei 12.852/2013, que compõe o Direito à Cultura, Transporte e Mobilidade presente no Estatuto da Juventude.

Procedimento necessário para realizar cadastro no programa Identidade Jovem

Quando o jovem brasileiro se encaixa em todos os requisitos necessário para integrar o programa governamental e ter acesso ao seu cartão ID Jovem, as ações são bastante simples e podem ser executadas através do aplicativo para dispositivo móvel “ID Jovem” ou mesmo pela plataforma online da iniciativa.

O aplicativo pode ser obtido gratuitamente e agora mesmo por qualquer jovem brasileiro através de um simples download na respectiva loja virtual do seu celular.

Após instalar o aplicativo no seu smartphone, o jovem deve repassar as informações solicitadas segundo o seu Cadastro Único e, assim, requerer a elaboração do seu cartão virtual, que vai guardar uma imagem com suas informações pessoas um código individual.

Desta maneira, você contará com 30 dias de utilização através do aplicativo, mesmo que offline por todo esse período. Com o encerramento deste prazo, você precisa refazer o procedimento para emitir um novo cartão ID.

Através do site, o processo de cadastro é bastante semelhante, sendo que no momento em que o cartão é efetuado pode ser impresso ou armazenado como uma imagem. Vale lembrar que qualquer maneira que o jovem opte por fazer a emissão do seu ID Jovem é totalmente gratuita.

Por fim, os jovens de baixa de renda podem viajar de graça no Brasil sem estar estudando, mas, esse benefício também concede meia-entrada (equivalente a metade da quantia cobrada do bilhete destinado ao público em geral) em eventos culturais e esportivos por todo o território nacional.